Qual o valor dos dados da empresa?

Qual o valor dos dados da sua empresa?

Carlos Eduardo, 45 anos, é diretor financeiro de uma empresa. Em mais um dia de trabalho, ele foi conferir os dados do seu setor , porém, ele se desesperou porque havia perdido toda a documentação. E agora, quais são as consequências para o seu desempenho profissional?

A aflição de Carlos é justificável, uma vez que a perda de dados da empresa gera prejuízos incalculáveis. Se levarmos isso para o meio digital, os danos tendem a ser ainda maiores. Por esse motivo, a segurança da informação é um tema que merece discussão.

Se você ainda não ouviu falar em sequestro de informações, por exemplo, deveria se preocupar, porque esse tipo de investida tem trazido diversas dificuldades para o ambiente organizacional.

A IBM encomendou um estudo do Instituto Ponemon, denominado de Cost of Data Breach Study 2016. O objetivo era avaliar o gasto médio gerado por essas violações.

De acordo com a amostra, o Brasil está em uma posição delicada, já que o risco de ataques por aqui é maior. No âmbito empresarial, em 2016, o prejuízo gerado superou a margem de R$ 4 milhões.

Preparamos este artigo com alguns tópicos essenciais. Veja como proteger o seu negócio dessas artimanhas!

Por que você deve se preocupar com os dados da empresa?

Vivemos um momento em que a informatização nos dá a oportunidade de obter inúmeros benefícios, especialmente os focados na otimização dos processos e gestão inteligente das demandas.

Porém, a criminalidade também anda à espreita, e é exatamente nesse ponto que devemos redobrar a atenção, porque os ataques culminam em:

  • vazamento de informação: os criminosos utilizam softwares maliciosos para capturar conteúdos pessoais ou sigilosos;
  • sequestro de dados: é efetuado por meio de códigos específicos, cuja finalidade é a de criptografar os arquivos da vítima. Nesse caso, para descriptografá-los, os infratores exigem pagamento de resgate;
  • danos à imagem corporativa: a reputação da empresa fica em jogo, diante de tamanho desvalimento;
  • perda de credibilidade: as pessoas deixam de confiar na marca e isso interfere nos resultados;
  • ações judiciais: dependendo da gravidade, a empresa arca com os processos movidos pelos prejudicados.

Como armazenar corretamente os dados?

O estudo realizado pela NetWrix constatou que 60% das empresas se preocupam com a segurança. Contudo, cerca de 40% ainda têm receio de manter os dados na nuvem, por medo de perder o controle físico das informações.

A fim de sanar algumas dúvidas em relação ao assunto, apresentaremos algumas soluções que fazem a diferença.

Cloud computing: na tradução para o português, o termo quer dizer “Computação na nuvem”. Com esse tipo de tecnologia é possível salvar edições de imagens, planilhas, arquivos e softwares. O acesso pode ser efetuado de qualquer lugar, pois os documentos ficam guardados na própria internet.

Servidores: o dispositivo traz mais eficiência e agilidade para o negócio, porque os dados ficam concentrados em uma base. Assim, o conteúdo pode ser acessado por meio de uma conexão interna segura e rápida.

Dispositivos de storage: embora seja uma solução mais simples, ela é eficiente para o armazenamento de arquivos, quando não há necessidade de transferências frequentes. Em outras palavras, é uma espécie de HD externo.

Independentemente da escolha, você precisa ter em mente que o backup entre os computadores é importante. Isso porque ele auxilia na proteção das informações e também evita que elas sejam apagadas acidentalmente. Ou seja, assim é possível manter o banco atualizado e protegido.

Manter os dados da empresa em local seguro é uma tarefa estratégica, porque a perda das referências culmina na interrupção de processos internos e ainda leva a situações constrangedoras, visto que o custo da violação é para sempre.

Quer trazer mais segurança para os seus arquivos organizacionais? Entre em contato com a nossa equipe, pois contamos com soluções capazes de potencializar a sua gestão!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Precisa de ajuda? Ligue +55 49 3025.1900 ou

Converse conosco

top