Big Data: o que é, como se aplica ao negócio?

Big Data - o que é, como se aplica ao negócio

Compartilhe

Big data é a capacidade de coletar e analisar um grande volume de dados variados gerados em alta velocidade. Por isso, o termo é muito conhecido no mundo da TI pelos seus 3 Vs – velocidade, variedade e volume.

Os sistemas mais comuns não são capazes de compreender esses dados que chegam e transformá-los em informação para um negócio. Porém, tecnologias mais modernas já são responsáveis por proporcionar um volume de informações significativas para uma empresa.

O que é o Big Data?

O termo engloba a captura de dados estruturados e não-estruturados gerados em diferentes ambientes da empresa a cada segundo. Um estudo da Zeagate identificou que a perspectiva é de um crescimento de 30% na geração de dados no mundo, saindo de 33 zettabytes para 175 em 2025. Já imaginou?  

Esses dados são gerados por diferentes plataformas e dispositivos como computadores, smartphones, televisores conectados à internet, entre outros. Com o aumento da quantidade de aparelhos conectados à rede, também é crescente a geração de dados no mundo.

Logo, o maior desafio para as empresas será saber lidar com tantos dados e coletar as informações mais úteis para gerar rentabilidade e crescimento. Isso será cada vez mais importante neste mundo competitivo e dinâmico em que vivemos.

Quais são as vantagens de usar o big data no negócio?

Muitas soluções tecnológicas já são capazes de coletar, processar e fazer o cruzamento de dados para gerar informações relevantes para as empresas. Com eles, você consegue identificar maneiras de reduzir os custos, melhorar as ofertas de determinados produtos e oferecer itens mais adequados para o perfil do consumidor, por exemplo.

Portanto, você ganha competitividade no mercado e capacidade de dar respostas a estímulos de uma forma mais rápida.

Por exemplo: imagine que você utiliza um sistema de automação para acompanhar a jornada dos potenciais clientes em seu website. É possível identificar quais foram as páginas mais acessadas, o tempo de permanência e entender qual é o produto que mais atrai a atenção desse consumidor. O resultado disso? A equipe consegue traçar estratégias para apresentar preços mais atrativos para gerar vendas.

Outra situação oposta pode ocorrer e o Big Data vai ajudar na identificação desses fatores. Determinado produto começa a registrar queda nas vendas durante alguns meses. Depois, também diminui a procura pelo item nas pesquisas online, mas há o crescimento de determinado item na mesma categoria. Nessa situação, o gestor consegue identificar que está perdendo mercado e precisa mudar sua estratégia para evitar prejuízo.

O principal objetivo do Big Data, então, é proporcionar a análise de dados com inteligência para a tomada de decisões mais adequadas para o sucesso do negócio.

Você também pode gostar do artigo: Como a tecnologia amplia o ciclo de vida de uma empresa.

Empresas que já utilizam

Se você é assinante da Netflix, já deve ter recebido indicações de filmes e séries para assistir com um percentual de probabilidade de que iria gostar. Isso só é possível porque a empresa coleta os dados dos acessos dos clientes e faz análises sobre o uso na plataforma. A comparação dessas informações permite levar ao usuário uma experiência personalizada.

O Deezer e o Spotify, dois aplicativos de streaming de música, também utilizam o big data para gerar informações relevantes para os usuários e suas empresas. É por isso que você recebe indicações de músicas de estilos parecidos aos que adiciona como preferidas.

O Waze, aplicativo de navegação, coleta os dados, faz a comparação e transforma-os em informações relevantes para os usuários por meio da indicação de rotas alternativas para fugir do tráfego.

Já deu para perceber que muitas empresas estão utilizando o big data para levar valor ao cliente e gerar negócios, certo? O que acha de colocar este tema na sua lista de prioridades e tendências para o ano para também obter benefícios dessa tecnologia?

Ah, não esquece de se cadastrar na nossa newsletter. Assim, você fica por dentro de todas as novidades que temos por aqui!

Junte-se a nossa lista

Veja mais